sábado, 11 de outubro de 2014









Quero
Nos teus quartos forrados de luar
Onde nenhum dos meus gestos faz barulho
Voltar.
E sentar-me um instante
Na beira da janela contra os astros
E olhando para dentro contemplar-te,
Tu dormindo antes de jamais teres acordado,
Tu como um rio adormecido e doce
Seguindo a voz do vento e a voz do mar
Subindo as escadas que sobem pelo ar.


O luar enche a terra de miragens
E as coisas têm hoje uma alma virgem,
O vento acordou entre as folhagens
Uma vida secreta e fugitiva,
Feita de sombra e luz, terror e calma,
Que é o perfeito acorde da minha alma.


                         




Num deserto sem água
Numa noite sem lua
Num país sem nome
Ou numa terra nua
Por maior que seja o desespero
Nenhuma ausência é mais funda do que a tua.


Se tanto me dói que as coisas passem
É porque cada instante em mim foi vivo
Na busca de um bem definitivo
Em que as coisas de Amor se eternizassem.
                                                              Sophia de Mello Breyner




                                                   Bom fim de semana à todos!



11 comentários:

  1. Muito lindo e tão bom te ler! bjs, ótimo domingo! chica

    ResponderExcluir
  2. Deve ser doce e aconchegante, dormir num quarto forrado de luar...
    Bonito poema, querida Cidinha.
    Tenha um domingo de paz!

    ResponderExcluir
  3. Olá Cidinha!

    Passando para lhe desejar um doce domingo.

    Postagem linda e o blog, um encanto!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Oi, tudo bem?
    Me encantei com o seu blog. Deve ser mágico dormir num quarto forrado de luar onde lindos momentos de amor foram eternizados. Gostei demais e já seguindo
    Um abraço

    ResponderExcluir
  5. Lindo poema Cidinha!
    Gosto muito dessa autora Sophia de Mello Breyner. Ja li alguns poema dela.

    Estive ausente alguns meses... agora de volta.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Lindo poema Cidinha!
    Gosto muito dessa autora Sophia de Mello Breyner. Ja li alguns poema dela.

    Estive ausente alguns meses... agora de volta.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Oi Cidinha
    Que romântico um quarto forrado de luar onde o amor aflora dos corações enamorados. Belíssimo poema!
    Beijos e um maravilhoso final de semana

    ResponderExcluir
  8. Olá amiga. Sempre postando algo lindo aos nossos olhos e sentimentos. Beijos e ótima semana.

    ResponderExcluir
  9. Mais uma ótima postagem, Cidinha. Louvo o teu bom gosto, amiga! Boa semana.

    ResponderExcluir

Pode comentar!