domingo, 3 de agosto de 2014







O teu riso

Tira-me o pão, se quiseres,
tira-me o ar, mas não
me tires o teu riso.

Não me tires a rosa,
a lança que desfolhas,
a água que de súbito
brota da tua alegria,
a repentina onda
de prata que em ti nasce.

A minha luta é dura e regresso
com os olhos cansados
às vezes por ver
que a terra não muda,
mas ao entrar teu riso
sobe ao céu a procurar-me
e abre-me todas
as portas da vida.

Meu amor, nos momentos
mais escuros solta
o teu riso e se de súbito
vires que o meu sangue mancha
as pedras da rua,
ri, porque o teu riso
será para as minhas mãos
como uma espada fresca.

À beira do mar, no outono,
teu riso deve erguer
sua cascata de espuma,
e na primavera , amor,
quero teu riso como
a flor que esperava,
a flor azul, a rosa
da minha pátria sonora.

Ri-te da noite,
do dia, da lua,
ri-te das ruas
tortas da ilha,
ri-te deste grosseiro
rapaz que te ama,
mas quando abro
os olhos e os fecho,
quando meus passos vão,
quando voltam meus passos,
nega-me o pão, o ar,
a luz, a primavera,
mas nunca o teu riso,
porque então morreria.
                                    
                           Pablo Neruda 
            
                     Boa semana à todos!!

13 comentários:

  1. Beleza de poesia! Linda nova semana, tuuuuuuuuuudo d bom,beijops,chica

    ResponderExcluir
  2. Olá prezada Cidinha, e que tudo esteja bem!
    Ainda que demorada, cá estou novamente passando e lendo mais esta tua belíssima escolha, aliás, como sempre faz e compartilha com os amigos, obrigado!
    Intensos sentimentos nestas palavras de Pablo Neruda.

    E já que por cá estou, aproveito para agradecer por tuas gentis visitas e amizade e também deixar meu desejo para que seja sempre deveras intenso e feliz o teu viver, um grande abraço e, até mais!

    ResponderExcluir
  3. Ah! Pablo Neruda...poema de palavras simples, porém, encantadoras.
    Cidinha, boa noite e que seu sono seja tranquilo e reparador.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Belo, Cidinha! O Neruda é realmente fantástico, não? Boa semana, amiga!

    ResponderExcluir
  5. Há tanto tempo aqui não venho,
    todavia, esquecido não estou
    por isso mesmo saudades tenho
    para aqui o meu pensamento voou!

    Para você, Cidinha,
    um beijo aqui vou deixar
    neste dia quase à noitinha
    prometo noutro dia aqui voltar!

    Eduardo.

    ResponderExcluir
  6. Vale a pena ler....
    Nesse Domingo comemora o dia dos pais
    muitos como eu já não tem mais
    a alegria da presença física de pai.
    Por isso de alguma forma nesse dia
    procuro estar feliz da forma
    que meu pai sempre gostou.
    Com certeza ficaria muito chateado
    se pudesse me ver chorar nesse dia.
    Guardo na memoria um pai que
    mesmo sendo bravo a moda antiga.
    Fui muito amada..
    recordo com infinita saudades
    quando brincava passando em meu rosto,
    a barba por fazer.
    Do almoço Domingueiro onde
    minha mãe fazia a pasta
    deliciosa que ela fazia.
    Um abençoado final de semana.
    Feliz dia dos pais independente
    da Circunstância.
    Beijos no coração carinhos na alma.
    Evanir.
    Deixei mimo na postagem como
    lembrança desse dia.

    ResponderExcluir
  7. Com tudo o que há na vida de melhor,
    hoje no Brasil comemorado, o dia do Pai,
    que o seja com saúde, paz, carinho e amor
    sem sofrimento, sem dor, sem ui e sem ai.

    Daqui de Portugal, para o Brasil abraços para todos os pais,
    para você Cidinhaa, beijinhos.
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  8. Quando perdemos a capacidade de sorrir a vida fica densa encoberta por uma névoa de tristeza e dor.
    Sorrir faz bem à alma e coração.
    Minha querida desejo que o seu domingo seja lindo e que o Dia dos Pais seja de alegrias
    Beijos

    ResponderExcluir

  9. Cidinha querida,

    Estou de volta à blogosfera e espero que tudo esteja bem com você.
    Adorei a poesia. Há risos e sorrisos que fascinam e apaixonam. Muito bom ler Pablo Neruda.

    Feliz semana.

    Beijão.

    ResponderExcluir
  10. Que prazer encontrar esses versos que considero lindos! Ótima escolha. Bjs.

    ResponderExcluir

Pode comentar!